Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2020

Sinfonia

Imagem
Sinfonia Seres vibrando numa mesma sintonia. Agindo coerentes para uma produção melodiosa. Atuando harmonicamente para um fim comum. Uma congregação de ações que se complementam. Onde todos sabem: O seu papel A sua colocação Seu ponto de atuação Sua forma de contribuir. São todos unos numa missão comum... Um conjunto de diferenças que se afinizam numa modulação consonante. Uma evolução ritmada num só compasso. Harmonia Ritmo Paixão Revolução! Tudo possível num espetáculo perfeito... Que encanta por sua coerência global... Nos faz sentir numa atmosfera exemplar... Entender que pode haver afinação nas vaiadas potencialidades... Que o exercício conjunto da coletividade tem uma finalidade maior! Que podemos ter nosso próprio som... Nossa forma individual... Tamanhos e dimensões variáveis... Expressões tônicas diferenciadas. Mas podemos formar um único todo vibracional... Que supera e agrega todas as variáveis numa grande Sinfonia Cósmica... No qual todos

Pacificar

Imagem
Pacificar Equilibrar as forças... Manter o entendimento... Dialogar com as diferenças... Promover alianças. Apagar o fogo dos exaltados Incentivar ações conciliadoras Ativar mecanismos de equalização. Tornar possível a justiça social. É dar exemplos de: Empatia Solidariedade Autruísmo Integração. Buscar soluções cooperativas... Uma responsabilidade global... A colaboração consciente... Um comprometimento real. É tornar possível o entendimento unificador que congrega todos numa só classificação. A identificação com uma existência coletiva unificada na sobrevivência interdependente culminando na geração de valores de sustentabilidade viável para todos. DayseGhaya

Onde estamos???

Imagem
Onde estamos??? O Homem cresceu... Evoluiu! Se tornou o Senhor absoluto da Terra! A força mais poderosa... Capaz de controlar tudo! Será? Sempre que ele interfere em algum ecossistema: Algo se desequilibra... Vidas se perdem... Áreas são devastadas... Alagadas... Queimadas... Empobrecidas! Mas é para um bem maior! Pelo progresso! Por uma vida melhor! Que vida??? Porque em algum momento, Esse desequilíbrio nos atinge. Alguns tentam alertar... Mas são logo calados! A propaganda dos interessados é sempre mais bonita! Mas os resultados, não. E sempre são negados!!! Não há relação comprovada... Eles sempre dizem. Por mais que estejam as nossas vistas... Por mais pesquisas que comprovem... Por pior que sejam os prejuízos: Para o Planeta. Para a Natureza. Para a nossa saúde. Para o bem estar geral. E segue o homem em sua soberania destruidora... Sugando todos os recursos que pode... Se enriquecendo enquanto deixa seu rastro de destruição! Mas de r

Minha estrela

Imagem
Minha estrela Dentro de mim tem uma estrela... Uma companheira fiel! Nos momentos mais obscuros... Nas decisões mais difíceis... Quando bate a tristeza... Ou a solidão me isola da realidade! Ela avisa o perigo iminente... Mostra quando algo parece errado! Me cutuca com insistência... Se eu me desvio dos meus princípios. Me cobra reparação... Por meus desatinos! Tagarela com meu entusiasmo... Incentiva minhas iniciativas. Aconselha em meus questionamentos. Grita forte... Quando me perco em desespero Quando a dor se torna lancinante Quando as forças me abandonam E a vontade é desistir de tudo! Ilumina meu lado sombrio... Me faz enxergar todos os ângulos Os erros desastrosos E as catástrofes de atos insanos! Mas também acende... Mostrando meu potencial Incentivando a bondade solidária As atitudes abnegadas A fortaleza do meu Ser. Uns a chamam de consciência... Outros de essência pessoal... A nossa parte mais evoluída... Nosso Eu Superior! Pra mi

Distâncias...

Imagem
Distâncias... Nem sempre são físicas... Podemos estar ao lado... E não poder alcançar o que se deseja! Pode ser uma barreira pessoal... Um distanciamento proposital. Pode ser preconceito... Dúvidas Desconfiança Receios e medos! É a falta de tempo... A oportunidade perdida... A palavra não dita... A escolha errada... O desencontro da vida! É o orgulho ferido... A mágoa guardada... O trauma do abuso... A desesperança! É a solidão... A culpa... O sofrimento... A fuga! São castigos auto impostos... A repressão dos sentimentos... O isolamento na ilusão... A falta de perdão! Distâncias que construímos ao longo do caminho... Que em vez de evitar... Só traz mais dor! Mas uma ponte pode encurtar todas as distâncias... Não tem mistério... Nem segredos. E já está no seu pensamento... O Amor. DayseGhaya

Medo...

Imagem
Medo... É assustador! Muitas vezes irracional... Outras... Bem real! Baratas... Entre mulheres é quase unanimidade... Já vem no DNA! Mas quando é homem que tem... Nossa Sengora dos Inseticidas... É bem pior! Morte... Esse é intrigante. Até os mais espiritualizados o tem! O fator desconhecido pesa muito. Depois desse "véu" é tudo mistério... Não importam relatos... Canalizações... Sonhos... Ele está presente como uma sombra... E mais ainda, ela é inevitável! Escuro... Esse é fácil de resolver... Só acender um luzinha... Vale tudo! Velas... Abajures... Lanterna... Qualquer foguerinha te acode! Altura... Subiu três degraus da escada, Já está alto! Escalar... É coisa pra cabrito! Avião??? Como aquele troço fica no ar??? É coisa do Demo! São tantos... Tão loucos!!! Mas tão aterradores para quem os têm... Que haja terapia para curar! E tem cura??? Alguns até tem... Mas sempre achamos uma forma de contorná-los... Ou escondê-los! E

Âncoras

Imagem
Âncoras Peso Amarras Segurança Imobilidade! Prisões disfarçadas de proteção. Falsa sensação de estabilidade. Posicionamento estático. Sustentação de uma situação. Âncoras também podem ser boas... Confortaram em momentos de aflição... Te mantém lúcido na confusão. Te ajudam a focar numa solução... Te sustentam numa posição firme! É uma zona de conforto. Até que precisemos mover... Mudar... Nos testar... Nos libertar! Experimentar novas vivências! Conhecer novos horizontes... Romper com limitações... Aprender outras formas de fazer e Ser! E há uma hora para tudo... As vezes... Precisamos estar ancorados... Conectados... Ligados a algo ou alguém... Sossegagos em um canto para: Meditar Reavaliar Descansar Renovar as forças! Mas temos que ter o controle para saber quando desancorar: E poder navegar... Viajar numa nova aventura... Arriscar para sentir uma paixão... Voar livre na imaginação... Sentir uma nova emoção! DayseGhaya

Espinhos

Imagem
Espinhos Formações potigudas Lancinantes Rígidas Perfurantes. Ferem Machucam Cortam arranham! Mas são proteções... Geralmente de algo Delicado Frágil Precioso Belo. Nos lembram de ter cuidado... Atentar que a exposição é sempre um risco. Entender que pode haver uma resistência as nossas ações... Que muitas vezes são: Invasivas Inoportunas Inadequadas Ultrajantes Afetam negativamente... Trazem sofrimento... Dilasceram... Desestruturam! Espinhos são lembretes: Avisam quando passamos dos limites... Quando violamos Quando desrespeitamos Quando trangredimos Quando profanamos! Estão presentes sempre que não tomamos o devido cuidado de não fazer aquilo que não queremos que nos façam! DayseGhaya

É sexta-feira

Imagem
É sexta-feira Muitos se agitam... Sextou! O fim de uma jornada semanal. É dia de comemorar a vida... Mesmo sem nenhum motivo! Para uns... Nem todos tem essa opção... Muitos trabalham por escala, Tantos trabalham sábado, E outros, de domingo a domingo. Mas a sexta feira se tornou emblemática! Ela representa uma libertação... Hora de se soltar Se divertir Extravasar! Por um passe de Mágica... Tudo fica mais leve Sorrisos se apresentam Um capricho na aparência Rostos se tornam carismáticos! Vai chegando o fim da tarde... A "Happy hour!" Amigos combinam o chop Parceiros marcam encontros Namorados o cinema A família pede pizza! Não necessariamente nessa disposição... É claro! Expressões de contentamento... Que trazem momentos de: Confraternização Socialização Desprendimento E simples prazer! E porque não? É o contraponto da responsabilidade... O equilíbrio nas obrigações O alívio na batalha. A parada estratégica para o descanso. En

O que tem para hoje???

Imagem
O que tem para hoje??? Um dia de sol? Chuvas e trovoadas? Caminhos abertos? Impedimentos inoportunos? Surpresas boas? Acontecimentos nefastos? Há uma imensa variedade... Infinitas possibilidades!!! Mas... É como reagimos a elas Que importa! O sol pode estar brilhando lindo e maravilhoso... E só pensarmos no calor e incômodo que ele nos proporciona! Pode estar chovendo e trovejando... E decidirmos lavar a alma, Dançando na chuva! Facilidades podem gerar indiferença às conquistas. Dificuldades podem nos fazer descobrir capacidades ocultas de superação. Então, Não importa o que tem pra hoje, de fato... É como decidimos lidar com com cada acontecimento, que torna a nossa vida melhor ou não. É uma questão de perspectiva e escolha... E a melhor pegunta seria... Como eu vou receber as lições que vida me dará hoje? DayseGhaya

Quando olho as estrelas...

Imagem
Quando olho as estrelas... Sinto saudades. Não sei de onde... Nem de quando! Olhando para cada luzinha... Seu brilho longe... Um aperto Uma sensação Um vazio. O saber que tem uma ligação. Que em alguma delas... Ausências sentidas! Vagas... Tão distante, Que a lembrança se perde! Mas fica esse sentir... Poder voar... Chegar lá! Encontrar antigos companheiros... De outras vidas... Outras eras... Outras dimensões! Mas é esse elo perdido... Que só a esperança alcança. E sussurra baixinho... Um dia você volta! DayseGhaya

Quem se importa?

Imagem
Quem se importa? O Planeta está doente... Desequilibrado... Maltratado... Abandonado! Mas quem se importa? As águas poluídas... Rios transformados em esgoto Mares virando depósito de produtos radioativos... Lagos e lagoas sendo aterrados e invadidos... Mas quem se importa? Produtos venenosos implantados nos solos, para facilitar e aumentar exageradamente sua produção... Imensas áreas virando represas de rejeitos de extrações gananciosas... Florestas sendo desmatadas para garantir mais lucro a produtores... Queimadas indiscriminadas empobrecendo o solo... A desertificação por mau uso de seus recursos... Mas quem se importa? O ar sendo poluído por indústrias... Veículos poluentes... Gases tóxicos... Experiências atômicas... Mas quem se importa? E vem a peste A fome A sede A morte! Uma humanidade indiferente sofrendo as consequências de seus atos desrespeitosos... Predadores Gananciosos Cheios de desperdício! Quem deveria zelar... Usurpa de se

Pertencimento

Imagem
Pertencimento Estar unido... Ligado... Integrado... Amado! É encontrar o seu lugar... Seu lar... Seu par! É a intimidade real... Sem máscaras Sem pudores Sem segredos! É ver seu reflexo no outro... E se reconhecer. É uma energia que enlaça... Agrega sem te anular. É como o Yin e Yang Ser parte do outro... E ter o outro em si. É um reconhecimento natural... Onde cada sentido... Repercute no outro... E se conecta. Se completa. Se preenche! Não é preciso palavras... Toques... Sequer a visão! Pois é imaterial... Sua origem é energética. Sentida em níveis mais sutis... Sem o maya... Apenas o Ser... Pleno. Puro. Unido por uma atração mútua Numa mesma sintonia Num mesmo sentimento Numa só completude! DayseGhaya

"Acasos"

Imagem
"Acasos" Os momentos mais marcantes... São aqueles que chegam de surpresa! Eles fazem o coração bater mais forte... Provocam arrepios... Te dão tontura... Te deixam sem ação! É uma emoção intensa... Que te envolve completamente! Impede o raciocínio... Te paralisam! A respiração ofega... "Borboletas" batem asas no estômago... Um tremor interno toma conta de ti... As palavras não saem! Podem durar apenas alguns segundos... Mas valem por uma vida inteira! São inesquecíveis... Companheiros que se tornam as lembranças mais queridas! DayseGhaya

Sentimentos

Imagem
Sentimentos São nossas emoções falado... Expressando nossa sensibilidade Reagindo ao que nos comove Impressionando nossos sentidos Eles são um espelho... Refletem nosso interior. Mostram nossos valores. Aquilo que nos inspira. O que importa... Ou nos é indiferente. São um termômetro... De como somos afetados... Por tudo que está a nossa volta. É sinal de interação... Interesse... Que não somos insensíveis a tudo. Que temos alguma empatia. As vezes... Perdemos o "freio" Nos descontrolamos Deixamos emergir o nosso pior... As sombras... O negativo. Nos perdemos em perseguições Vinganças Revoltas Punições Agressões Obsessões! Bons ou ruins... São sinal de que estamos vivos! Que embora muitos sentimentos: Causem profunda dor Culpa Desgosto E arrependimentos. Nos ajudam a identificar: Onde falhamos O que valeu a pena O que precisamos mudar O que conseguimos superar. DayseGhaya

Ligações

Imagem
Ligações Tem o trim trim do telefone... A música no celular... Já teve o bip... E o som da ficha caindo no telefone púbico. Mas não são dessas ligações que quero falar. Hoje, não. São dos elos de união... Contatos íntimos... Afinidades profundas... Laços intermitentes Ou permanentes! Algumas são genéticas Familiares Kármicas Já programadas. Mas outras são especiais... Forjadas no ódio ou no amor! Olhares que se cruzam... E se reconhecem! Encontros que se repetem... Em situações inusitadas! Elas podem aparentemente ser esquecidas... E retornarem sem aviso prévio Nem explicação. São energias que envolvem... Existências Relacionamentos Acontecimentos Interligações em um emaranhado de situações e aprendizados! Têm um propósito que nem sempre conseguimos entender... Nem fugir! Acontecem!!! Como lidamos com elas... É uma escolha só nossa! DayseGhaya

Amigos

Imagem
Amigos Saudades... Da presença física Do abraço apertado Do sorriso amável. Das conversas francas. Confidências Segredos Broncas Papo furado Apoio mútuo! Alguns tem o descaramento de sumirem até virtualmente! Mas não são esquecidos... Estão sempre em nosso coração. Nas lembranças passadas... Na preocupação atual... No desejo de estarem bem... E na vontade de um reencontro! Porque amigo é parte da gente... Um complemento... O suporte... Um apêndice indispensável! É o espelho que nos mostra Verdades... O que escondemos de nós mesmos... O que subestimamos... E o que esquecemos de ver. E a cumplicidade... De todas as horas! Na alegria e na tristeza... No bom e no ruim... Na abundância... E quando dividimos: O último e único pedaço... O último gole... A última palavra... O último suspiro! Mais uma vez... Saudades! DayseGhaya

Medo

Imagem
Medo Alerta de perigo! Momento de apreensão. Atenção... Observação! É o pânico... Que pode ser consciente Inexplicável Real Imaginário! Te paralisa Corrói sua coragem Te tira o sono Aterroriza suas estruturas! É a fobia patológica... Um trauma arraigado! A intuição certeira que algo ruim vai acontecer... Ou apenas a preocupação exagerada de mentes controladoras! A aversão às diferenças... O asco orgulhoso do preconceito! Uma covardia vacilante... A incerteza do amanhã... A preocupação com a delação... O pavor da punição! É o horror que abala os nervos... A paranóia delirante! O receio se estar errado... A dúvida de uma má escolha! É a escravidão mental e emocional... Que te aprisionam na inação! Grilhões que precisam ser quebrados... Destruindo o muro da covardia! De um jeito ou de outro... Se descobre que as consequências podem ser libertadoras... Deixando alma mais leve e a paz na consciência! DayseGhaya

Ciclos

Imagem
Ciclos São momentos de transição... De transformação interna. Deve ser uma evolução natural da existência. Nos mostra que um fase se completou... E outra deve se iniciar. Ao nascermos... Saímos de um ambiente seguro "Hermético"... E eclodimos no mundo da matéria densa! Aprendemos a comer Andar Falar "Trocar". Aí vem a puberdade... E temos que lidar com os hormônios... Uma ebulição assustadora! As crises... As incertezas... Os relacionamentos! As discussões sobre "verdades"... Que vemos muitas delas... Aos poucos... Caindo por terra! Na prática... No dia a dia... Nas experiências que nos desafiam. É, já chegou a fase adulta! Você tem que ser responsável... Tem que prever e prover! Fazer a "coisa certa"... Assumir seus atos! Então, nos tornamos genitores... E repetimos "tudo" aquilo que tanto reclamávamos... Ou... Tentamos fazer tudo diferente! Mas descobrimos que não dá para acertar sempre! Qu

Contas

Imagem
Contas Contamos tudo! Os dias da semana... Os meses do ano... O tempo de uma gestação... Os anos de vida. Quando estamos ansiosos Contamos cada segundo de aflição... Quanto falta para algo acontecer! Quando angustiados... Contamos as batidas do coração... Na alegria... São os pontos da vitória! No desconsolo... As oportunidades perdidas. Na paixão... Os momentos de prazer e satisfação! Nas perdas... As lágrimas de saudade. Na saudade... As doces lembranças. Passamos a vida toda contando o tempo... As emoções... Os sonhos... As realizações! Mas evitamos uma conta... Quanto tempo falta para partirmos. O que é compreensivo. Não sabemos, com certeza, o que vem depois. Essa é uma conta regressiva... Se inicia no momento em que nascemos! No começo da vida... Ela não importa nem um pouco! Na vida adulta... Estamos tão ocupados, Que esquecemos dela! Na maturidade... É que começamos a entender o que ela significa... Qual o nosso saldo com a existên

Fragilidade

Imagem
Fragilidade Sempre nos vem a cabeça Fraqueza Vulnerabilidade Debilidade. Algo que se quebra fácil. Mas porque? Só existe essa possibilidade? O frágil também é A delicadeza O sutil A leveza O efêmero A transitoriedade! Um estado tão volátil... Que pode escapar e desaparecer! É mutável Instável Incobstante! Quase etéreo... Ou o é! Podendo ser invisível... Mas de certa forma Perceptível! Sentido instintivamente. Pode ser raro Precioso Desejável! Toda essa sublimidade... A torna mais próxima da Transcendência... Excelência... Perfeição! Do Sagrado Do Divino Da Criação! DayseGhaya

Lágrimas...

Imagem
Lágrimas... Expressão silenciosa... Pequena gota emocional. Sentimento em transbordamento... Seiva voluntária de comoção! É quando a emoção se torna: Física Presente Atuante Intensa! Algumas vêm da: Angústia desesperada Sofrimentos íntimos Dores pungetes Amarguras profundas! Mas há as que carregam Ternura Alegria Prazer Gratidão! Podem vir na solidão de um momento... Escondidas nas nas sombras do orgulho... Mascaradas por vergonha ou dor... Ou na falsidade de um impostor! Mas também vertem intensamente: Expostas sem pudor Soltas sem amarras Expressas na pureza da situação! Extravasadas livremente Misturando-se ao amor e a paixão! Doces companheiras de muitas horas... Estão presentes em atitude solidária! Cúmplices em nossas narrativas existenciais... Eternizando a captura da essência momento... Que mesmo depois esquecidos ou relembrados... Se renovam em novas eclosões sentimentais! DayseGhaya

Entendimentos...

Imagem
Entendimentos... Quando novos... Ainda começando nossa Jornada, Achamos que entendemos tudo! Que as coisas são simples. Preto no branco. Tudo conforme a teoria. Que podemos desvendar todos os mistérios... Que a vida é pra ser vivida... E experimentada! E assim o é. Só que nada é tão simples... Que nossos entendimentos falham terrivelmente na prática... Que a teoria não revela tudo... E que entre o preto e o branco... Existem infinitas nuances! Mas vamos vivendo... Caindo... Levantando... Carregando nossas cicatrizes... E aprendendo a cada dia um pouco mais. Já depois, de uma boa caminhada por tantas estradas e tantos desafios... Constatamos que na verdade... Entendemos muito pouco... Ou quase nada! Que nossas certezas podem ser derrubadas em questão de segundos... Momentos chaves... Que fazem nossas teorias caírem por terra! E aí passamos a observar mais... Acreditar menos em teorias e promessas... Passamos até a antever alguns resultados! Nos torn

Relacionamentos...

Imagem
Relacionamentos... São trocas Experiências compartilhadas Vidas entrelaçadas Reciprocidade de sentimentos Convivência íntima. É uma relação afetiva... Mental... Visceral... Interdimensional! Deve ser desejado... Acalentado... Naturalmente atrativo! Em que deixamos de pensar individualmente... Para pensar no interpessoal. Não deixamos de ser únicos... Mas passamos a ter uma continuidade no outro. Tudo que fazemos... Reverbera em seu par. Deve ser uma escolha voluntária Um acordo recíproco Igualmente proveitoso Equilibrado Harmonioso Honrado! Deve ter prazer... Alegria... Cumplicidade... Leveza! Paixão... Desejo... Passionalidade... Tudo isso passa! Mas se há: Companheirismo Admiração, Amizade, Respeito, Doação... É amor! E se eterniza em sua própria essência. DayseGhaya

Conversas...

Imagem
Conversas... Nem sempre são só Blá blá blá... Elas podem chegar em algum lugar! Um bom diálogo... Sempre traz um troca proveitosa. Amigos relembram aventuras... Mães embaraçam seus filhos com histórias de traquinagens... Amantes revivem momentos de afagos e carinhos... A Humanidade... Refaz os passos da sua história! Quando as vozes calam... Jazem as chances de reconciliação. Morrem as defesas das minorias. Calam-se os gritos de justiça. Se interrompem os ciclos de debates. Discussões são úteis quando ambos os lados se escutam: Cresce o entendimento... Avançam as alianças... Alimenta-se as percepções e perspectivas... Constrói-se o consenso! A comunicação é a forma mais útil de se descobrir... Se espelhar Se refletir Se fazer e se entender. Crescer na reverberação dos sons que emitimos... Que significam as ideias... Que são exportas Postas a prova Testadas... Aprovadas ou descartadas! Trazendo desenvolvimento e construindo pontes que nos ligam

Estamos todos presos...

Imagem
Estamos todos presos... E nos percebemos estáticos, Paralisados, Aprisionados em nossas gaiolas douradas e caleidoscópicas... Ricamente adornadas com nossas ilusões gananciosas. Fruto de nossas atitudes enviesadas... Grotescas Aviltantes! Pecamos por ação... Ou omissão! Envenenamos a polis... Extravasamos veneno pelos biossistemas.... Poluímos o espaço físico! Quem dera fosse somente isso... O ódio é destilado como requinte da sociedade. O Preconceito é servido como iguaria insaciável. Bajulações corruptivas são temperadas de ideais progressistas... E alimentam os Egos "diletos" e "honoráveis". Perversões de valores exortam o caos opulento! Em que momento nos entorpecemos com todo esse ópio delirante de uma falsa liberdade? Quando fomos castrados da razão? Eita prisão sem barras!!!! Com seus labirintos sombreados pela irresponsabilidade dos ditos "Senhores do topo da Cadeia Vital"! DayseGhaya

Solicitude

Imagem
Solicitude Ter prazer em ajudar Vontade de bem servir Atitude de devotamento Anseio de resolver. É a boa vontade que te salva O capricho no fazer certo O empenho na tarefa executada A atenção aos mínimos detalhes. O amparo nas horas difíceis O cuidado em ser diligente A dignidade em respeitar a dor O zelo em amparar o sofredor. É também a entrega total A paixão que te envolve O ardor de querer bem O afã de se dar por completo! DayseGhaya

Responsabilidade

Imagem
Responsabilidade Como você encara? Dever? Obrigação? Chateação? Não. Essa é a desculpa para não fazer! Responsabilidade... É ter consciência! Saber o que precisa fazer... E fazer porque é a sua parte. O que lhe cabe. A sua oportunidade de contribuir. Colaborar... Dividir tarefas... Aliviar a carga... Dar continuidade... Tornar as coisas mais fáceis para todos. Agilizar o que pode ser útil! É saber que outros podem depender sua ação. Que se cada um fizer a sua parte, a possibilidade de dar certo... É muito maior! Sabendo que quanto mais atuamos... Podemos ir mais longe. Podemos vencer qualquer desafio. Podemos crescer todos juntos! E assim... Evoluir: Como indivíduo Como familiar Como cidadão Como um Ser cósmico! DayseGhaya

Do físico ao vibracional

Imagem
Do físico ao vibracional Estávamos acostumados à carne... Ao corpóreo Ao físico Ao palpável. Mas é hora de se elevar... Se adaptar... Se projetar! Compreender que a vida é energia É Vibração. É frequência Que o invisível é o real! Que o virtual é a conexão. Que as relações transcendem a matéria. Na verdade... Sempre foi assim! Nos acostumamos a partir dos resultados... Dos efeitos. E menospresar a causa... A origem A fonte. Agora temos que inverter... Ir além. Perceber a essência... Nos relacionar com o multidimensional... A pluralidade de estados existenciais! O poder é vibracional... Antes da ação... Vem a intensão! Entender que pensamentos são geradores... Emoções são sintonizações potencializadoras... Que a realidade é sua criação! Que o tempo e espaço foram vencidos... Os acontecimentos se tornaram quase simultâneos... Nos vemos com o aperto de uma tecla... A energia eliminou as fronteiras... Mas temos que eliminar as resistências...

Entre dimensões...

Imagem
Entre dimensões Nem lá... Nem cá... Num vácuo intermediário. Uma sensação de alheamento... Como estar fora de sintonia... Fora do eixo. Uma angústia indefinida Uma apreensão volátil Um sentimento mascarado! É como uma suspensão existencial... Uma condição de devir. É como estar dividida... Ser duas... Ou mais. Quando sentimos estar em dois lugares ao mesmo tempo! Existindo e não sendo... Oscilando por polaridades Permeando planos existenciais! É o tempo simultâneo... Misturado... Alterado. Como um sonho acordado... Um delírio lúcido... Um movimento inerte. DayseGhaya

Sobreviver

Imagem
Sobreviver É morrer... E continuar existindo. É ter a dor te dilacerando todos os dias. É a lembrança dos companheiros perdidos. É reviver silenciosamente momentos que fazem a alma sangrar. É cambalear dia a dia tentando esquecer o que as cicatrizes significam. É estender o braço na tentativa de salvar o instante que mudou sua vida pra sempre. É saber que nenhuma palavra, por mais explícita que seja... Jamais traduzirá os horrores passados na batalha. A história pode ser contada nos livros... Mas só quem fez parte dela, pode contar o que foi real. Mas quem quer ouvir? Quem realmente consegue sentir tal herança angustiante? O desespero de não poder mudar a memória excruciante... De não poder deixar essa penosa tortura pra trás. E ter quer carregar todo esse pesar, até que o verdadeiro alívio silencie todo o martírio contido no coração e na mente de quem sobreviveu a uma catástrofe. DayseGhaya Aos heróis anônimos que realmente lutaram por um mundo melhor

Fotos

Imagem
Fotos Papelzinho mágico... Captura cenas! E mesmo estáticas... Tem o poder de nos fazer lembrar, De tudo que aconteceu antes e depois da captura! Das emoções... Das pessoas Da paisagem Do dia em si! Todo o contexto do evento... E o que eles representaram na nossa vida. As vezes... Nos fazem rir. Algumas, Choramos de alegria... Ou de saudade. Lembramos dos que já partiram... Dos que estão longe... De companheiros de toda a vida! Mesmo numa paisagem... Tem sempre uma história que a acompanha... A nossa história. E esse pedacinho de papel... Colorido Preto e branco Desbotado pelo tempo Nos faz viajar no passado! Revendo lembranças... Acalentando momentos preciosos... Trazendo de volta o que nem sempre a mente, sozinha, é capaz de evocar... Como aquela voz que ecoa sussurrando memórias ao vento! DayseGhaya

Andarilhos...

Imagem
Andarilhos... Caminhando sob o manto da noite... A caravana segue. A tribo unida... Sempre se protege. Por trilhas incertas... Sob a chuva Ou sol escaldante... Paisagens cinzentas... Áridas e tempestuosas... Os andarilhos caminham com fé! Somos filhos do vento... Aliados da sorte... Amantes das estradas... Companheiros das estrelas! Quando as sombras, As tempestades, As armadilhas, E os perigos nos perseguem... Oramos à Sarah Bendita! E ela nos acolhe em seus braços... Nos protege das ameaças... Ilumina nossos Caminhos... Abençoa nosso Povo! Opcha amada Sarah! Que nunca nos falte suas bençãos... Nem sua imperiosa proteção! DayseGhaya

O rio...

Imagem
O rio... Nasce como um fio de água Das profundezas Entre terra e pedras. Vindo do escuro... Mas emergindo em pureza! E vai crescendo em volume e extensão... Alimentado por várias nascentes! Seu leito enrugado... Pedregoso Arenoso Ou macio... Argiloso. Vai serpenteando... Encontrando seu caminho... Sobrepondo os obstáculos. Vai seguindo seu destino... Levando vida Gerando energia Irrigando o solo. É em si, um grande viveiro! Tem seus mistérios e artimanhas... Alguns conseguem escutá-lo... Outros o respeitam... Poucos o entendem! Sendo o resultado de tantas fontes... Mesmo com tantos braços e vertedouros... Se mantém íntegro em sua unidade manancial de abundância. Mas se despe de toda sua identidade e majestade... Desaguando e se misturando em prol da harmonia que rege a manutenção de um sistema ainda maior! E se torna parte desse todo... Gerando toda uma teia hídrica que mantém a vida do Planeta. Mas tudo começa com uma simples gota d'águ

Equilíbrio

Imagem
Equilíbrio Perfeição? Não. Estaticidade constante? Também não. Retidão tediante? Negativo. É um ponto neutro... Onde há um silêncio acolhedor Onde podemos ficar tranquilos Não precisamos de escudos... Nem atitudes defensivas! É a possibilidade igualitária A harmonia entre os opostos A compensação de forças A distribuição proporcional. É o dar e receber... Onde ambos ficam satisfeitos. É o eu e você tendo os mesmos direitos e oportunidades. É a possibilidade de escolher e poder mudar de ideia. A constância na mudança sem gerar conflitos. É permanecer serena diante das adversidades. É o bom senso em meio ao caos delirante. É se conduzir combatendo as injustiças sem se perder em vendetas. Não é estar alheio a tudo... É se manter lúcido apesar de tudo! DayseGhaya

O suficiente

Imagem
O suficiente É o que basta A quantidade ideal A medida certa O que nos cabe. Quando todos se contentam com o suficiente... A satisfação é alcançada. Todos são contemplados... As injustiças se extinguem! Recebemos exatamente o que precisamos. Não falta a ninguém! Independente da necessidade individual... O suficiente significa que: Não há sobras Desperdícios Excessos Frivolidades! Que também não cobiçamos... Não usurpamos... Não ultrapassamos nossos direitos... Não tiramos o que não nos pertence! Ainda haverão diferenças... Pois somos diferentes em nossas necessidades.... Em nossos desejos... Em nossos objetivos... Em nossas capacidades. Mas mesmo sendo assim... O suficiente garante a todos o seu quinhão... A realização... A satisfação. E quando há satisfação... Há felicidade! DayseGhaya

Família

Imagem
Família Lembro dos Natais... Comemorações de Ano Novo... Aniversários... Dias festivos. A mesa cheia de quitutes! Idas e vindas de: Mães Tias Avós... O cheiro bom da comida... A "criançada" rondando a mesa... Beliscando as iguarias... Uma barulheira celestial! O vinho misturado com soda... A agitação de costume... Conversas paralelas... Brigas, querelas, queixumes... Tudo natural! Uma hora alguém se levanta... Lá vem discurso! Interrompido quase sempre por um motivo banal... Risos, deboches e muita alegria... Uma verdadeira algazarra! Nesses encontros, Tudo pode acontecer... Vexames, constrangimentos, fuxicos... Sempre tentamos fugir... Mas algo nos faz ir... Aquele sentimento... Aquela necessidade... Algo sem explicação lógica. Mas que sabemos que faz toda a diferença. E sentimos falta... Que volta a mente sempre que precisamos... Como a melhor lembrança... O ninho... A origem... Nossas raízes! DayseGhaya