Cutucadas...





Cutucadas...

Elas são frequentes, na vida!
Servem de alertas.
Nos coloca em "cheque"!
Apontam nossos erros...
Preconceitos...
Deslizes...
Feridas...
Cicatrizes.
Arrancam nossas máscaras!
Nos tiram da zona de conforto.
Desafiam nossas verdades...
Jogam por terra nossos valores!
Iluminam as sombras de nossa alma...
E diz:
Enfrente-se!
Chamam o EGO pra uma "DR"...
É...
Também precisamos discutir a relação consigo mesmo!
Elas chagam para acertarmos o prumo...
Voltarmos pro rumo certo!
Incomodam...
Chateiam...
Irritam!!!
E logo damos um chilique!
Mas é uma provocação do bem.
O "puxão de orelha" que a vida nos dá.
As "palmadas", tão fora de uso, que mexem com nossos brios!
E ficamos de cara amarrada!
Tolas crianças da eternidade existencial...
Mesmo quando nos julgamos:
Sozinhos...
Abandonados...
Ocultos...
Ou desapercebidos...
A "cutucada" chega!
Na hora certa.
E nos diz:
Quem disse que é assim?
Não está vendo a trapalhada que você está fazendo?
Pensa que ninguém está te vendo?
É hora se baixarmos a cabeça...
"Colocar a viola no saco"...
E refletir!
Porque se não for por bem...
Não dá pra reclamar da vida depois!


DayseGhaya

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aldeia Global

Lavando a alma...

Somos feitos de quê?